Testemunho de uma jovem cristã

E COMO VAI A NOSSA FÉ?!

“…então, sereis entregues à tortura e vos matarão; sereis odiados por todas as nações, por causa do Meu Nome. Nesse tempo, muitos se escandalizarão e trair-se-ão uns aos outros e, mutuamente, se odiarão. Igualmente, surgirão muitos falsos profetas que enganarão a muitos e, por isso, a iniquidade se multiplicará e o Amor se esfriará. MAS QUEM PERSEVERAR ATÉ AO FIM, ESSE SERÁ SALVO! –S. Mateus 24:13

 

E por mais que me esforce, tentando abstrair-me de toda a CONFUSÃO que grassa, atualmente, na nossa Sociedade, a PERTINÊNCIA desta Passagem Bíblica, interpela-me, chegando, quase, a tirar-me a Paz!

 

Daí, não resistir, e tentar relatar um pequeno—grande— incidente, que me aconteceu há dias.

 

Estava eu, numa loja de roupa, conversando com a proprietária, por acaso, minha amiga, quando chega alguém, também, cliente, mas conhecida, que me cumprimenta e à queima roupa me pergunta: então, tem ido à Missa? Estupefacta, pelo despropósito, respondi calmamente que sim.

 

E tem conseguido lugar? Agora, é só por marcação!

 

Já um pouco alterada, não pela interlocutora, mas pelo tema em questão—e não nego, ser um assunto que me tem dado a volta à cabeça– respondi que, felizmente, ainda há Comunidades, onde se ACREDITA que Deus PROTEGE aqueles que n/Ele CONFIAM. Por isso, lá, não existem lugares marcados, e que a CASA DO PAI continua ABERTA para todos. Reforcei, também, a possibilidade de receber a Sagrada Comunhão NA BOCA e de JOELHOS, tal como a minha Consciência me pede!

 

Escandalizada, a dita Senhora só lhe faltava apelidar-me de inconsciente e cismática!

 

–Desobedecer a uma Lei da Igreja, pondo a saúde dos outros em risco?

 

Fazendo todo o esforço para me controlar emocionalmente, respondi que a Lei da Igreja continua a mesma e NUNCA foi alterada; o Crente tem o direito de optar pelo modo que a sua consciência lhe ditar. E se alguém o obrigar ao contrário, o MAL está nesse ALGUÉM!

 

Expliquei, ainda, que, para mim, só o facto de DESCONFIAR de que JESUS me possa CONTAMINAR—com o Seu Corpo–NA SUA PRÓPRIA CASA, é uma afronta “das maiores” à Sua Misericórdia!

 

Relembrei-lhe as Palavras em que Ele Mesmo nos diz: “…se a vossa Fé fosse suficientemente forte, VERÍEIS QUE SOU EU –na pessoa do Sacerdote– QUE ESTOU, ALI, A DAR-VOS O MEU CORAÇÃO; A EUCARISTIA É O CORAÇÃO DE DEUS!” “E, se A recebêsseis com Fé, até vos EMOCIONARÍEIS e constataríeis que toda a espécie de pecado desapareceria do mundo: adultérios, fraudes, calúnias, vinganças… porque Ela TUDO Cura. “… o Núcleo da Alma Fortalece o Espírito e aumenta todas as faculdades intelectuais; onde está o VIGOR DA VIDA está o vigor da Mente…

 

É com Esse Alimento Divino que Deus desperta a Santidade.”

 

E mais, reforcei ainda com: “Eu ESTOU no Seio do Pai, no mais pequeno fragmento da Eucaristia, tendo os Anjos a Adorar-Me em redor, tal como estou no Céu!“

 

Assim, quem nos garante de que, nas nossas mãos, não fique um pequeno fragmento, onde ESTÁ INTEIRO o CORPO DE JESUS?! – Jesus reforça esta teoria já instituída pela Igreja, na Obra: “O Evangelho como me foi revelado” —de Maria Valtorta, mística Italiana.

 

Não muito convencida, a dita senhora respondeu jocosamente: oh, “isso é apenas uma representação!” —cénica? Pergunto–Deus é Amor e perdoa tudo. Eu não QUERO que o padre me toque! Ainda bem, que a Igreja mudou e acompanha os tempos, porque, dantes, era tudo pecado!

 

Temos de evoluir e deixarmos de ser fanáticos! A vida é para ser VIVIDA! Deus Criou-nos para sermos “felizes”. (à nossa medida?)

 

Sem palavras, de imediato, me veio à cabeça a Passagem do Evangelho, com a Qual, comecei este desabafo:

 

“…a CONFUSÃO VAI SER TÃO GRANDE, QUE MUITOS DOS ESCOLHIDOS SE VÃO PERDER; FELIZES DOS QUE PERSEVERAREM!”

 

Assim como Outra, ainda mais violenta: “…NÃO DEIS COISAS SANTAS AOS CÃES, NEM LANCEIS PÉROLAS A PORCOS, PARA QUE NÃO ACONTEÇA QUE AS PISEM E, VOLTANDO-SE CONTRA VÓS, VOS DESPEDACEM!” –S. Mateus 7:6